top of page
  • Foto do escritorSegware

5 elementos essenciais para uma integração de sistemas no controle de acesso

As integrações de sistemas estão entre as tendências tecnológicas mais relevantes de 2024. Isso porque estão associadas à necessidade da indústria de desenvolver soluções que realmente facilitem o cotidiano de negócios e de clientes. 


Exemplo disso, um estudo da Apigee identificou que 56% dos profissionais responsáveis por tomar decisões nos empreendimentos diz observar as APIs (interface de programação de aplicativos, ou seja, tecnologias que permitem a integração de recursos, funcionalidades e outras plataformas), como ativos que auxiliam a construção de melhores experiências e produtos digitais. Além disso, o Gartner prevê que mais de 80% das empresas utilizarão essa inovação como estratégia para aperfeiçoar processos internos até 2026.


Em outras palavras, isso significa dizer que o mundo está consumindo integração de sistemas e que os diversos setores do mercado precisam orientar as suas soluções para essa realidade. 


Quando associada ao controle de acesso, a integração de sistemas diz respeito à possibilidade de uma solução de portaria condensar outras frentes de monitoramento, como alarmes, telefonia/voz, painéis de análise de dados da operação, câmeras de vigilância, sensores inteligentes, automatizadores, softwares com inteligência artificial, dispositivos inteligentes, entre outras tecnologias. 


Essa centralização é viável, sobretudo, pela migração das organizações para a nuvem e pela implementação de softwares de gestão integrados (ERP). 


Inclusive, o mesmo relatório do Gartner citado por aqui estima que mais de 70% das empresas irão optar por plataformas hospedadas na nuvem até 2027 com o objetivo de acelerar as iniciativas de negócio.


Portanto, estruturar uma empresa de segurança eletrônica para a integração de sistemas na portaria é firmar um compromisso com a qualidade do serviço a ser oferecido e com o que os usuários esperam em relação às suas contratações. É indispensável que empresas de monitoramento contem com um ERP que possibilita a ligação a aplicações diversas e a de terceiros, entregando uma maior agilidade e eficiência operacional.  


“E como o controle de acesso integrado é visto pelos usuários?”💬 


Recorrer à integração de sistemas de segurança é uma prática popular tanto para empreendimentos comerciais quanto residenciais. 


A abordagem, por combinar em uma solução o controle de acesso a câmeras de vigilância, alarmes e demais funcionalidades, fica mais abrangente e eficaz, repercutindo em maior satisfação com o serviço e também na dinamização do trabalho dos operadores. Isso porque esses profissionais passam a se orientar através de uma interface única de monitoramento. 


Ao longo deste conteúdo vamos detalhar 3 elementos necessários para a estruturação de uma centralização do controle de acesso que pode beneficiar o seu processo de expansão de marca e conquista de novos consumidores. 

5 Elementos que compõem uma portaria centralizada


Existem tecnologias e recursos característicos de portarias centralizadas. Quando aplicadas ao portfólio de empresas de segurança eletrônica, oferecem mais do que um ponto de controle como solução. Trata-se de um ecossistema dinâmico de segurança avançada, automação e com uma gestão eficiente.


Nesse sentido, a inovação e a integração convergem para criar ambientes protegidos de forma inteligente, antevendo situações-problema antes que o evento anômalo demande uma ação corretiva. 


Ou seja, além de ser positivo para os clientes, a portaria centralizada é uma ótima forma de negócios reduzirem os custos de suas operações. 


Alguns elementos são essenciais para a estruturação dessa solução. Vamos descrever os principais abaixo: 


1) Câmeras de vigilância de alta resolução:


As câmeras de vigilância não são apenas olhos eletrônicos; são guardiãs detalhadas do ambiente. Com alta resolução, oferecem monitoramento em tempo real e servem de registro nítido para análises posteriores.


Podem também ser associadas a softwares com inteligência artificial, responsáveis por lerem grandes bancos de dados e, rapidamente, identificarem situações que fogem do padrão ou comportamentos suspeitos. 


Em um sistema integrado de portaria as câmeras são imprescindíveis para que a solução seja de fato abrangente, podendo ser direcionadas automaticamente ao local que passa por alguma atividade de perigo. 


2) Alarmes e sensores inteligentes:


A detecção de movimentos suspeitos e atividades anômalas é aprimorada com a integração de alarmes e sensores inteligentes. 


Esses dispositivos garantem uma resposta rápida a qualquer intrusão e se ligam diretamente às câmeras, acionando automaticamente essas tecnologias para monitorar a área desejada. 


É uma possibilidade de resposta coordenada, que serve para otimizar a proteção em relação a vários tipos de incidentes, desde intrusões, emergências até incêndios.


3) Sistema de identificação por biometria:


Nos controles de acesso integrados, os dispositivos que autorizam ou não a entrada de pessoas e veículos também precisam ser atualizados. Afinal, o objetivo é elevar a segurança e otimizar a rotina do usuário. 


Assim, algumas modalidades de identificação são preferíveis. É o caso, por exemplo, da biometria, que traz identificação precisa através de características únicas, como impressões digitais e reconhecimento facial.


É possível também investir em um trabalho conjunto com as câmeras de alta resolução e os sistemas de gerenciamento de entrada e saída de veículos. As câmeras podem identificar as placas que se aproximam do espaço vigiado, e a Central, de maneira analógica ou automática a partir de leitores de IA, realiza a liberação remotamente. 


4) Plataforma em nuvem:


A escalabilidade e acessibilidade são garantidas com a adoção de plataformas em nuvem, como os softwares de gestão de monitoramento. 


O acesso remoto às informações e controles proporciona flexibilidade e adaptação às demandas dinâmicas do ambiente e também específicas de cada região. Isso porque a nuvem tem como característica a adaptabilidade, seja para mais ou para menos demanda. 


5) Sistema de Gestão Integrada (ERP):


O coração da eficiência operacional de um portaria centralizada reside na integração com sistemas de gestão. 


O ERP centraliza informações operacionais, financeiras e logísticas, simplificando a administração e facilitando a tomada de decisões estratégicas.

Baixe agora o Ebook gratuito “Afinal, quais os benefícios da centralização da portaria em empresas de segurança?” e descubra:


  • Outros 5 elementos essenciais para a centralização de portaria

  • Quais benefícios por trás dessa implementação 

  • Como dar o primeiro passo em direção à integração de sistemas no controle de acesso?

_______________________________


Evidenciamos por aqui o potencial da tecnologia para operacionalizar as soluções completas e abrangentes de controle de acesso


Nesse cenário, uma delas se destaca pela capacidade de integração de sistemas e por ser desenvolvida diretamente para o mercado de monitoramento. 


A Segware oferece a melhor plataforma de monitoramento em nuvem do segmento de segurança eletrônica, tanto no quesito alarmes, imagens, quanto no de controle de acesso em geral. Dentre os seus diferenciais estão: 


  • Controle da operação em tela única: trate eventos e realize atividades gerenciais 100% na nuvem.

  • Mais de 22 anos de mercado, líder de mercado e considerado o melhor software para monitoramento de alarmes.

  • O gerenciamento de clientes e seus equipamentos se torna simples e fácil.

  • Há monitoramento em tempo real de tudo que ocorre com os clientes da empresa de segurança e com a equipe técnica e tática 100% na nuvem, online.

  • Trabalha com tecnologia de ponta para o  gerenciamento de atividade 24hs por dia.

  • Software com múltiplas tecnologias para negócios escaláveis.

  • Serviços hospedados na Amazon Web Services.

  • Equipe qualificada para suporte técnico 24hs por dia, 7 dias por semana, 365 dias ao ano.

  • Time especializado para realizar as implantações e migrações de sua atual plataforma

  • É o software de monitoramento de alarmes com o maior número de integrações do mercado.

Com as soluções da Segware as empresas de monitoramento têm acesso a uma estrutura de controle de acesso totalmente integrada a outros sistemas de segurança, permitindo que os negócios foquem em um serviço focado na experiência do cliente final. 


43 visualizações

Comentários


bottom of page