• Segware

Dicas para uma Central de Monitoramento moderna

O aumento da insegurança e do risco a invasões em imóveis faz com que cada vez mais pessoas procurem sistemas de segurança e monitoramento. Hoje, existem formas de as pessoas instalarem um sistema de alarmes e monitorarem os ambientes por conta própria. Por isso, quando elas optam por uma central monitorada, a vantagem do serviço tem que ir além da vigilância 24 horas.


Para oferecer um serviço exemplar, é preciso garantir que o monitoramento será feito com eficiência e transparência. A melhor forma de fazer isso é com o uso de tecnologias e profissionais qualificados.


Neste post, separamos 5 dicas essenciais para uma central de monitoramento diferenciada e moderna.


#1 Ofereça tecnologia de ponta


Uma das coisas mais importantes para uma central de monitoramento moderna é a qualidade dos equipamentos utilizados. Hoje, existem diversas opções no mercado que facilitam o monitoramento e o tornam mais eficiente.


As câmeras são uma delas. É importante ter câmeras que produzem imagens de alta resolução, para se ter precisão nas leituras. Além disso, as melhores câmeras atuais possuem sensores de movimento que ativam a gravação apenas quando há uma movimentação suspeita ou fora do comum.


Essas câmeras estão cada vez mais inteligentes, podendo reconhecer placas de carro e diferenciar humanos de animais. Isso é uma grande vantagem, pois reduz o número de alarmes falsos, o que resulta em boa economia para as empresas de monitoramento.


Com tantos dados coletados pelas câmeras, torna-se necessário ter maior segurança e facilidade de acesso às informações. Esse ganho de performance depende da infraestrutura da central de monitoramento, e varia de acordo com a quantidade de câmeras, consumo de banda de internet, storage para armazenamento, entre outros fatores. Por isso, para diminuir os custos e oferecer uma tecnologia de ponta, avalie a necessidade de ter o armazenamento local ou em nuvem. Além disso, o acesso às informações pode ser feito de qualquer lugar, bastando um dispositivo conectado à internet e a autorização do usuário.


A Segware já trabalha com o sistema de armazenamento em nuvem, que oferece tanto a segurança quanto a rapidez de acesso necessárias, sendo pioneira e a principal referência do mercado nessa tecnologia.


#2 Garanta o funcionamento correto dos equipamentos


De nada adianta ter as melhores tecnologias se elas não estiverem funcionando bem. Uma central de monitoramento não pode correr o risco de perder a imagem de uma ocorrência porque a câmera deixou de funcionar, por exemplo. Por isso a manutenção preventiva dos equipamentos é essencial.


No entanto, nas centrais de monitoramento modernas, essa manutenção acontece remotamente. Caso haja alguma inconformidade, os próprios equipamentos acionam um alerta automático para a central. Na central, os equipamentos são acionados à distância, por meio do computador, para identificar o problema e resolvê-lo.


Tudo isso é feito antes mesmo que o cliente perceba o problema. E o objetivo é justamente esse: evitar ao máximo a perturbação com a segurança. A manutenção presencial é feita apenas em último caso. Esse procedimento também reduz custos de transporte na visita de manutenção.


#3 Responda rapidamente aos eventos


A forma de monitorar os ambientes está cada vez mais simples e eficiente. Se antes os operadores ficavam observando as imagens constantemente, hoje isso não é mais necessário. As imagens que chegam à central de monitoramento moderna são apenas aquelas referentes a eventos suspeitos ou incomuns.


Isso é um grande progresso tanto em termos de redução de erros quanto de eficiência nas respostas às ocorrências. Monitorar imagens constantemente é um trabalho cansativo e passível de erros, pois o operador pode deixar passar uma situação de risco. Porém, com as máquinas fazendo a parte mais difícil, o operador pode se concentrar no seu ponto forte: atender a ocorrência da maneira correta.


Nesse ponto, outra ação importante das centrais modernas é a definição de um plano de ação para cada ocorrência. Acordando o que deve ser feito em cada situação com o cliente, a resolução do evento é mais fácil, rápida e ele fica satisfeito com o procedimento.



#4 Ofereça transparência ao cliente


Ainda que a central de monitoramento seja responsável por zelar pela segurança do patrimônio, os clientes gostam de ter um certo controle sobre o andamento das atividades. Por isso, as centrais modernas oferecem ao cliente formas de acompanhar os procedimentos em tempo real.


Está em alta nesse momento o uso de aplicativos para smartphones e tablets, como o Segware My Security. Por esses aplicativos, o dono do imóvel pode acessar as câmeras de segurança e acompanhar o monitoramento. Ele também recebe notificações e mensagens no caso de ocorrências. Além disso, o MySecurity oferece interatividade do usuário com o sistema de segurança, oferecendo diversas funcionalidades como armação e desarme do alarme, acionamento de dispositivos como portões, portas e iluminação, entre outras possibilidades que aumentam o engajamento com o cliente.


Alguns aplicativos oferecem, inclusive, a possibilidade de pagar pelo serviço de monitoramento e receber relatórios periódicos das atividades. Os relatórios são uma forma de mostrar, de maneira transparente, o que foi feito no período em questão.


#5 Tome decisões com base em dados


Por fim, a última dica se refere tanto à central de monitoramento quanto à empresa responsável por ela. As tecnologias estão cada vez mais avançadas no sentido de analisar dados, cruzá-los, identificar padrões e oferecer conclusões.


No caso do monitoramento, a análise pode identificar situações de risco com maior antecedência e de forma mais certeira, possibilitando acionar o alarme de maneira preventiva – antes de uma invasão ocorrer. Essa funcionalidade traz eficiência para o monitoramento e evita colocar os profissionais de segurança em situações de risco.


Porém, os dados sobre o trabalho de monitoramento também podem ser usados para analisar a própria empresa. Por exemplo, cruzando informações como número de alarmes falsos e tempo de deslocamento, é possível mensurar onde estão os maiores gargalos em termos de custos para a empresa.


Uma central moderna é aquela que pensa na eficiência dos processos para melhor atender aos clientes. Nesse caso, tomar decisões baseadas em dados é essencial. Basta incorporar nas centrais o uso de softwares que coletam esses dados e trazem mais clareza sobre o andamento do trabalho.


Conclusão


Ter uma central de monitoramento moderna significa oferecer as melhores tecnologias e processos. O objetivo é trazer eficiência, rapidez e transparência ao trabalho. Para isso, é preciso se apoiar em operadores competentes e em tecnologia que permite tomar ações de prevenção e decisões baseadas em dados.


Sua central de monitoramento aplica esses princípios?

1 visualização
Segware
  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube
  • LinkedIn

Brasil/SC: +55 48 32310000
Brasil/SP:  +55 19 3113-9450

EUA: +1 305 7671552
México: +52 55 41708415
Argentina: +54 11 52195583
Colombia: +57 2 8912730 
Chile: +56 2 29381412 
Venezuela: +58 212 7202193

Copyright © 2020 Segware Security Performance. Todos os direitos reservados.